Poupar

Tem um animal de estimação? Esta app é para si.

3 min

Pet Finder SOS é uma nova aplicação portuguesa para encontrar animais perdidos. Baseia-se num sistema de notificações instantâneas e está disponível em seis línguas. Saiba como funciona.

Perder um animal de estimação é uma situação que gera angústia e ansiedade. Mas é algo que pode sempre acontecer, apesar de todos os cuidados e atenção por parte do dono. Não é preciso muito para que um cão, num passeio de rotina, decida aventurar-se um pouco mais, perdendo-se do dono - ou levando o dono a perder-se dele, depende da perspetiva. 

Atentos a esta realidade e com base na experiência pessoal nesta matéria, dois engenheiros informáticos de Coimbra, João Machado e Valério Esteves, criaram uma aplicação para smartphone e tablet destinada a facilitar a procura de animais de estimação perdidos, através de um sistema de notificações. A app chama-se Pet Finder SOS e faz lembrar a caça aos Pokemons. Está a ver a ideia?

Resumidamente, basta enviar um pedido de ajuda em tempo real e todos os utilizadores da app num raio de 60 quilómetros poderão ajudar a encontrar o animal de estimação. Outras vantagens da aplicação são a possibilidade de ter informação em tempo real, algo que é proporcionado pelas mensagens instantâneas, a construção de um perfil próprio e o registo das pegadas pelo mapa.

Esta não é a primeira plataforma de divulgação de animais perdidos, mas vem tentar colmatar alguma dispersão e fragilidades identificadas em alguns grupos e portais online criados para o efeito.

Como funciona?

Assim que o dono do animal se apercebe do seu desaparecimento, envia um pedido de ajuda através da aplicação. Nesse instante, todos os utilizadores registados que estejam num raio de 60 quilómetros vão receber um alerta, com uma descrição detalhada do animal desaparecido. E porque muitos olhos veem melhor do que apenas dois, aumentam as possibilidades de encontrar o animal, tal como a rapidez do processo. A ideia é pôr todos os utilizadores da app que estejam nas imediações do local à procura, ou simplesmente atentos. Uma pessoa que veja o animal pode recolhê-lo ou, se não for possível, enviar as coordenadas ou assinalar marcar no mapa o sítio onde o viu. O dono vai receber uma notificação com a localização exata do último avistamento.

Onde baixar a aplicação?

A app está disponível, gratuitamente, na App Store e na Google Play.

Esperam-se novidades. 

Atualmente, o registo na aplicação deve ser feito através da sua conta do Facebook. Em breve, vai ser possível registar-se através de outras redes sociais e até mesmo identificar animais perdidos no mapa sem estar registado na aplicação.

A atualização está a ser preparada pelos criadores da app e promete outras novidades e funcionalidades.

Passe a palavra.

Os Estados Unidos são um dos países com mais utilizadores registados na app Pet Finder SOS, que está disponível em seis línguas: português de Portugal e do Brasil, francês, inglês, castelhano, italiano e alemão. Em Portugal, a zona com mais registos de sucesso é, para já, Setúbal.

O sucesso desta aplicação, ou seja, o aumento do número de casos com final feliz, depende diretamente do número de pessoas registadas. Quantos mais olhos houver a procurar cada cão ou gato perdido, maiores as possibilidades de o encontrar. Se quiser colaborar, faça o download da aplicação, que é gratuito, e passe a palavra. 

Resta reforçar que, além de tudo, é uma aplicação portuguesa.

O  que fazer se encontrar um animal na rua?

Se encontrar um animal na rua, desloque-se a uma clinica veterinária e verifique se tem chip. Se o animal não tiver nenhuma identificação, tente levá-lo sua casa (ainda que limitado a uma divisão, a rua não é um sítio seguro para um animal) ou tente encontrar alguém ou alguma clínica veterinária que o possa acolher temporariamente enquanto tenta localizar os donos do animal.

Disponibilize água e alimente o animal. Alimente-o lentamente porque não sabe quanto tempo esteve na rua sem comer. 

Depois de o animal estar em segurança, questione os moradores da zona em que o animal foi encontrado e esteja atento a eventuais folhetos sobre o desaparecimento do animal. Afixe folhetos de divulgação na zona em que o animal foi encontrado, cobrindo a maior área possível. Recomendamos que publique um anúncio do animal encontrado em www.encontra-me.org. Eles disponibilizam automaticamente um folheto para divulgação.