Poupar

Salamandra ou aquecedor a gás.. Qual o melhor aquecedor para a sua casa?

3 min

Há aquecedores para todos os gostos e bolsos. Saiba como escolher o mais adequado.

O mercado oferece um mundo de alternativas de sistemas de aquecimento. Uns aquecedores são mais baratos, mas saem mais caros ao fim do mês. Outros têm um custo mais elevado, mas depois são mais eficientes. Não há uma solução melhor do que todas as outras, mas há soluções que se adaptam mais à sua casa, necessidades e orçamento. O que é que procura?

Quero o equipamento mais barato do mercado

Se o seu objetivo é aquecer uma ou várias divisões, de pequena dimensão, rapidamente, e por curtos períodos de tempo, um aquecedor portátil podem ser uma boa solução.  Estes pequenos aparelhos, como os termoventiladores, são campeões de vendas e têm um baixo preço de compra. Os valores começam nos 8 euros. Além de serem baratos, têm outras vantagens: são leves, fáceis de transportar e aquecem uma pequena divisão rapidamente. No entanto, tal como os convetores, os aquecedores a óleo ou a halogéneo, são aparelhos que gastam cerca de 2000 watts, o que equivale a uma média de 40 cêntimos por hora, o que pode resultar, facilmente, numa fatura da luz de mais de 100 euros, ao fim do mês. Não são aparelhos adequados para quem quer aquecer espaços grandes ou por um longo período de tempo, como uma sala. Muito menos para deixar ligados a noite toda. Veja aqui a seleção da DECO, dos melhores termoventiladores.

Quero um aquecedor portátil que gaste o menos possível

Se precisa de um aquecedor portátil, mas a sua preocupação é a fatura ao fim do mês, a melhor solução passa sempre por optar por um aquecedor a gás. Os especialistas garantem que são aquecedores económicos e que aquecem uma divisão mais rápido do que um aquecedor elétrico. Com um aquecedor a gás ligado no máximo, uma botija dará para cerca de 40 a 50 horas, o equivalente a 40/50 cêntimos por hora.

Importante é pedir a ajuda de um especialista na hora de comprar, já que há vários tipos de aquecedores a gás, com várias potências, de acordo com o espaço em que vai ser usado. Tenha também atenção às recomendações de segurança.

Quais os aquecedores que consomem menos energia, sem ser preciso fazer um grande investimento?

A resposta mais adequada para si pode ser o clássico ar condicionado. Os modelos mais recentes são mais amigos do ambiente e têm baixo consumo de energia, quando comparados com os aparelhos atrás referidos. Com cerca de 800 a 900 euros de investimento inicial, consegue comprar um dos melhores modelos de ar condicionado, isto é, com certificado energético A ou B.

Antes de investir, deve informar-se com um técnico que recomende o melhor sistema para a área que quer aquecer, tendo em conta a área das janelas e a sua orientação, o tipo de isolamento que tem, e o número de pessoas que costumam ocupar o espaço. O ar condicionado tem, pelo menos, mais uma vantagem: é que além de aquecer, também arrefece, o que faz com que seja um aparelho para o ano inteiro.

Quero o aquecedor mais eficiente, seguro e com design

Aqui entramos numa oferta mais complexa, mais vasta e que tem muito que ver com o espaço disponível em casa, o gosto pessoal e a decoração. E ainda, claro, com o valor que quer investir. Colocando de parte a variedade de designs e acabamentos, tem como soluções a típica salamandra ou os recuperadores de calor, que oferecem mais calor e um melhor aproveitamento deste do que uma lareira, já que garantem que o calor produzido é distribuído pelos vários espaços da casa. São sistemas fechados, não produzem fumos ou cheiros, e não libertam fagulhas. Independentemente do tipo de combustível, seja lenha ou pellets, são sistemas silenciosos. A salamandra tem, ainda, mais uma vantagem: é que além de aquecer, também serve para cozinhar, já que pode também incluir forno.

 

Consulte os manuais da ADENE – Agência para a Energia sobre eficiência energética - para compreender melhor como é possível aumentar o conforto e a eficiência energética da sua habitação.

Vale a pena fazer contas, consultar um especialista em certificação energética e só depois decidir qual o tipo de aquecedor ideal para a sua casa.