Trabalho e carreira

O que vai mudar no subsídio de desemprego em 2018?

1 min

É já em janeiro de 2018 que o subsídio de desemprego vai aumentar 10% para cerca de 91 mil desempregados.

A partir de 1 de janeiro chega ao fim o corte de 10% do subsídio de desemprego, que é aplicado a partir do sétimo mês de atribuição.

Com a aprovação de uma alteração à proposta de Orçamento do Estado, cai uma das medidas de austeridade aplicada desde 2012.

Na prática, o subsídio deixa de sofrer um corte de 10% para os desempregados que completam 180 dias de prestação.

A redução da prestação social, a partir do sétimo mês de atribuição, era aplicada há 5 anos e nove meses, embora a medida já tivesse sido eliminada, este ano, para subsídios de desemprego inferiores a 421,32 euros, o que abrangeu cerca de 130 mil desempregados.

O fim do corte do subsídio de desemprego vai afetar positivamente 91 mil pessoas, que passarão a receber mais 10% do que até agora, já em janeiro.