Crédito

O que é um crédito consolidado?

4 min

Está a pensar pedir um crédito consolidado mas ainda tem algumas dúvidas? O Contas Connosco explica-lhe tudo o que deve saber sobre créditos consolidados

Um crédito consolidado é uma solução apresentada por financeiras e bancos com o objetivo de juntar vários créditos num só. Surgiu como forma de ajudar as famílias a fazer uma melhor gestão dos seus créditos.

Com o passar dos anos, as famílias foram acumulando vários créditos e, com a crise financeira, viram-se com dificuldades e despesas que não conseguiam suportar. O crédito consolidado aparece como uma solução que permite englobar todos os créditos, ou pelo menos parte deles, num só.

O crédito consolidado permite que pessoas com créditos antigos e com taxas elevadas possam diminuir consideravelmente as suas mensalidades com um único crédito com uma taxa mais baixa.

Este resulta numa só prestação inferior ao somatório do valor de todas as prestações individuais. Cada crédito tem uma taxa de juro associada e, com esta solução, o novo crédito terá uma taxa de juro inferior e um prazo de pagamento mais alargado.

As vantagens deste crédito são óbvias; permite aumentar o nível de poupança das famílias, o reequilíbrio do orçamento e uma melhor gestão das dívidas, o que leva a uma maior flexibilidade financeira.

Este tipo de crédito pode ser concedido a qualquer tipo de pessoa mas destina-se essencialmente a indivíduos que possuem vários empréstimos. Desta forma, permitem o refinanciamento de clientes com problemas bancários.

Está a pensar pedir um crédito consolidado?

Saiba que em Portugal existem dois tipos de crédito consolidado; crédito consolidado com hipoteca de um imóvel e crédito consolidado sem hipoteca de imóvel.

Num crédito consolidado com hipoteca de um imóvel pode, além de todos os créditos pessoais juntar o crédito à habitação, ou, se não tiver um, pode dar um imóvel (geralmente a casa de família) como garantia. Esta modalidade de crédito consolidado permite fazer os mesmos prazos de um crédito à Habitação (em regra 30 anos) com taxas parecidas às taxas do crédito à Habitação, dado que se dá a garantia de um imóvel.

No crédito consolidado sem hipoteca pode juntar todos os créditos num só, com uma prestação maior do que cada um individualmente mas com um prazo mais dilatado, normalmente até 10 anos. Pode reestruturar os seus créditos e conseguir uma taxa de juro mais baixa, o que lhe permite uma maior poupança.

Porque deve pedir um crédito consolidado?

Se contraiu muitos empréstimos e está a pagar juros em todos, esta é a principal razão pela qual deve pedir um crédito consolidado. Passe de vários créditos de curto prazo e taxas elevadas para um crédito de médio/longo prazo com taxas substancialmente mais reduzidas.

Deixamos-lhe aqui as principais razões por que deve pedir um crédito consolidado:

Uma prestação mais baixa – vários créditos são sinónimo de diversas taxas de juro, por isso, se acha que paga muito pelos seus créditos e sente dificuldades no cumprimento das prestações consolide-os.

Apenas uma data de pagamento – se tem várias prestações mensais com créditos e cartões de crédito e com diferentes datas de pagamento esta é mais uma boa razão. Com o crédito consolidado terá apenas prestação e uma data de pagamento, mas não se esqueça, tenha sempre a quantia disponível para fazer o pagamento, não arranje mais encargos com comissões de atraso e juros de mora.

Redução dos juros – ao optar por uma consolidação, os juros serão reduzidos o que se poderá transmitir num alívio no final do mês. Além disso, ficará apenas com um prazo para pagar o valor em dívida.

Mais qualidade de vida e organização – já não tem que pensar tanto nos encargos e em que dia tem que pagar os diferentes créditos. Conseguiu alguma folga financeira com uma única taxa de juro mais baixa, vai conseguir viver de forma mais confortável e com as finanças mais controladas para lidar com despesas inesperadas.

Mas não se esqueça, nem tudo são flores! Terá uma dívida para pagar durante mais tempo, e ainda que a taxa de juro seja mais reduzida vai ter que os pagar durante mais tempo, já que alargou o prazo de pagamento.

Depois de conseguir estabilizar comece a poupar. Crie alguma folga financeira para estar preparado para que, em situações difíceis, não tenha que contrair mais um crédito. Use-os apenas quando quiser fazer investimentos que possam melhorar a sua vida.

Hoje em dia, quase todas as instituições financeiras e de crédito têm disponíveis simuladores online onde pode ficar a conhecer as condições que cada uma oferece. Analise as várias opções, simule, escolha o valor e prazo que mais lhe convém de acordo com a prestação que pretende e pode ficar a pagar mensalmente. Compare as condições que lhe oferecem. Negoceie, é fundamental.

 Antes de consolidar os seus créditos pense bem, faça as contas e compare. Lembre-se que fazer um crédito consolidado deve ser apenas uma solução de recurso. Não contraia empréstimos de forma desenfreada.

 

Artigos relacionados:

Especial Animais

Dizem que os animais são os nossos melhores amigos, por isso criámos um especial para eles!

Cão à janela do carro vale multa pesada

Poupar

Cão à janela do carro vale multa pesada

1 min
10 receitas de comida para o seu cão feitas em casa

Poupar

10 receitas de comida para o seu cão feitas em casa

2 min
Tem um gato? Prepare-lhe refeições caseiras

Poupar

Tem um gato? Prepare-lhe refeições caseiras

2 min
Pode invadir uma casa para salvar um animal maltratado?

Direitos e Deveres

Pode invadir uma casa para salvar um animal maltratado?

3 min
Cão na creche, cão feliz.

Direitos e Deveres

Cão na creche, cão feliz.

5 min
5 despesas que pode evitar com animais

Poupar

5 despesas que pode evitar com animais

1 min
Como poupar nas despesas de veterinário

Poupar

Como poupar nas despesas de veterinário

4 min