Impostos

Isenções e benefícios fiscais valeram 1.875 milhões em 2015

1 min

São 28.246 as empresas e entidades que tiveram, em 2015, isenções e benefícios fiscais num valor de 1.875 milhões de euros.

Empresas, fundos de pensões, autarquias, universidades, PSP, associações, clubes desportivos, fundações e o próprio Estado estão na lista de entidades que, em 2015, tiveram direito a isenções e benefícios fiscais. A depesa do Estado atingiu 1.875 milhões de euros nesta área, de acordo com os números divulgados pela Autoridade Tributária.

Foi no IRC, imposto que incide sobre os lucros das empresas, que se registou o valor mais significativo de isenções e reduções na cobrança fiscal, atingindo cerca de  870 milhões de euros. Seguiram-se os impostos especiais sobre o consumo, com 393,5 milhões de euros, entre os quais o imposto sobre produtos petrolíferos (ISP) com isenções de 240 milhões de euros, e o IMT (Imposto Municipal sobre as Transmissões Onerosas de Imóveis) com valores na casa dos 315,4 milhões de euros. O IMI (Imposto Municipal sobre Imóveis) deu lugar a benefícios e isenções no valor de 175,8 milhões de euros.