Poupar

Gasolina, gasóleo, híbrido ou elétrico: o que comprar?

2 min

Leia este guia rápido sobre vantagens e desvantagens das opções disponíveis no mercado

Carro a combustível ou elétrico? E dentro dos carros a combustível: gasóleo ou gasolina? Ou é preferível um híbrido, que junte motor de combustão e motor elétrico? Hoje é cada vez mais difícil fazer escolhas na hora de comprar carro.

Por isso, deixamos-lhe um guia rápido para perceber as vantagens e desvantagens de cada uma das principais opções existentes no mercado, para o ajudar a fazer uma escolha de acordo com o que é mais importante para si.

Gasolina

Vantagem - A grande vantagem dos automóveis a gasolina está no preço de compra: por norma, é mais baixo quando comparado com as mesmas versões a gasóleo, híbridas ou elétricas.

Desvantagem - O preço da gasolina é mais alto do que o do gasóleo ou da eletricidade - o que significa que quanto mais distâncias percorrer mais vai gastar.

Gasóleo

Vantagem - Embora um carro a gasóleo seja mais caro do que os modelos equivalentes a gasolina, o preço do combustível é mais baixo. Ou seja, o melhor é fazer contas. Se percorrer, em média, 12 mil quilómetros por ano, pode compensar escolher um veículo a diesel.

Desvantagem - Os escândalos ligados às emissões poluentes e o desincentivo à compra de veículos a gasóleo, um pouco por toda a Europa, estão a ter impacto tanto na opção dos consumidores como na desvalorização do carros.

Elétricos

Vantagem - São os veículos mais amigos do ambiente, numa altura em que a sustentabilidade é uma preocupação da sociedade, em geral. Para muitos esta vantagem não tem preço. A outra grande vantagem são os custos. Poupa-se nos consumos - já que o preço da eletricidade é muito mais baixo do que o dos combustíveis fósseis – e também nos custos de manutenção e nos impostos.

Desvantagem - Há cada vez mais opções no mercado, mas o preço de compra ainda é elevado quando comparado com modelos equivalentes a combustíveis fósseis. Há ainda a preocupação com a autonomia, que está longe de permitir viagens longas sem carregar a bateria. E isto com uma rede pública de carregamentos com muitas queixas ao nível da cobertura e das avarias.

Híbridos

Vantagem - Juntam preocupações ambientais e um motor a gasolina. Podem ser um bom compromisso entre emitir menos gases poluentes, ao mesmo tempo que poupa no combustível.

Desvantagem - Os híbridos plug-in têm autonomia considerada modesta, o que pode limitar as poupanças com o motor elétrico. 

Agora, só tem de escolher a opção que melhor se adapta às suas necessidades.