Investimentos

Férias em Portugal: Os melhores destinos cá dentro

5 min

Não há melhor paraíso do que o nosso! Ainda em tempo de pandemia, não há grandes voltas a dar, vá para fora, cá dentro. Faça férias em alguns dos melhores destinos de Portugal que escolhemos para si.

Data de publicação 2021 M06 14

É preciso recuar ao ano de 1995 para encontrarmos a origem do slogan “Vá para fora, cá dentro”. A campanha promocional do Turismo Interno para o biénio 1995-1996 ainda hoje continua a ser tendência e nunca fez tanto sentido como agora. Não só pelo contexto pandémico que ainda se vive no país, mas também, como forma de apoiar um dos setores que mais sofreu neste último ano, à conta da COVID-19.

Por isso, é tempo de olharmos para dentro, para o interior do nosso país , e desbravarmos os lugares turísticos de Portugal. É tempo de fazermos turismo nacional, de apoiarmos o comércio local e usufruirmos do que é português, da nossa cultura e das nossas tradições. Para onde quer que vá cá dentro, será sempre uma boa escolha. Afinal, não é por acaso que o nosso país tem recebido os mais meritórios prémios ao nível do turismo mundial. Prepare-se assim para fazer férias em Portugal com o melhor que o país tem: as suas gentes e a sua história. Nós ajudamo-lo a escolher, com sugestões de algumas viagens pela nossa terra.

Férias em Portugal:  Conheça a natureza do Gerês

Longe da praia, mas embebido em natureza selvagem, encontramos um inspirador Gerês, no concelho de Terras de Bouro. Chamam-lhe a Reserva Natural de Portugal e só por isso já apetece… É o destino ideal para quem procura nestas férias “sopas e descanso” e quer fugir ao stress da cidade e da rotina diária. Simboliza a harmonia entre o homem e a natureza, que o digam as inóspitas montanhas de granito moldadas pelo tempo e as suas gentes, abstraídas da modernidade e entregues ao pastoreio. Um banho nas águas gélidas e cristalinas que correm pelos ribeiros é revitalizante para o corpo e para a alma, e sela um compromisso mais sério com toda a natureza envolvente. A gastronomia é outro dos fortes argumentos para seguir rumo até ao Gerês. Sente-se numa qualquer esplanada, peça um cabrito da região e observe à sua volta toda a diversidade da fauna e da flora que conseguir avistar. Os seus sentidos agradecem.

Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina

São mais de 100 quilómetros de costa, desde Porto Côvo no litoral alentejano, até ao Burgau, já no Algarve, passando por Vila Nova de Milfontes e Odeceixe, o ideal para umas férias em Portugal.Tem fama de ser o troço de litoral europeu melhor conservado, marcado por falésias escarpadas e com várias espécies de fauna e flora únicas. Apontamos como destino obrigatório Porto Côvo, um destino familiar com muitas praias e emoldurado pelas casas típicas alentejanas, caiadas de branco e rematadas a azul, mas também não podemos deixar de fora Odeceixe e a sua majestosa Lagoa, que nos oferece uma paisagem ímpar deste nosso país à beira-mar plantado. A praia da Arrifana, do Amado, de Almograve, do Monte Clérigo e a famosa Praia do Amado, onde Amália Rodrigues passava as suas férias, são outras praias a descobrir no Sudoeste Alentejano. Depois, há ainda a gastronomia, quase toda ela inspirada no mar. Deleite-se, enquanto aproveita o sol alentejano durante o dia. À noite, não se esqueça de levar um agasalho.

Algarve, um dos destinos de Portugal mais cobiçado pelos amantes de praia

Não há como ignorá-lo. Do sotavento ao barlavento, esta “língua” da nossa costa nacional apresenta-lhe algumas das melhores praias da Europa e até do mundo. Junte-lhe um sol radioso, as águas cristalinas, as noites agradáveis e o peixe grelhado que ali está à mão de semear, e encontrou as chaves para o paraíso. É difícil eleger um só destino algarvio. Todos têm a sua identidade e todos oferecem maravilhas ímpares. De Sagres a Vila Real de Santo António, tem muito por onde escolher. As famílias costumam optar por zonas como Tavira, Manta Rota, Lagos ou Sagres, esta última um ótimo reduto também para os surfistas.

Porto Santo

Chamam-lhe a Ilha Dourada e quando lá se chega percebe-se imediatamente o porquê. É a mais pequena das ilhas habitadas do arquipélago da Madeira, mas tem uma das maiores extensões de areal e é considerado por muitos um dos melhores destinos de Portugal. São 9 quilómetros de areia fina e dourada, envolvidas em águas turquesas e de temperaturas amenas, tão aprazíveis que apetece ficar ali o dia todo. Este não é destino qualquer, é um destino de sonho para casais apaixonados ou para famílias. As suas gentes hospitaleiras fazem o resto, bem como toda a paisagem natural envolvente. Experimente acabar o dia de praia numa das esplanadas porto-santenses curvadas para o Atlântico, enquanto degusta as famosas lapas, acompanhadas por uma poncha. O pôr-do-sol também é único, aliás, como tudo nesta ilha.

Férias em Portugal na Ilha do Faial

Escolhemos o Faial porque é talvez um dos pontos mais veraneantes dos Açores, ou não fosse esta a ilha dos marinheiros, por excelência. A baía da Horta, ponto de encontro para veleiros e velejadores de todo o mundo, que se reúnem no Peter Cafe Sport a beber o melhor gin do país, é um hino para os sentidos. Dali, avista-se a Ilha do Pico, a meia hora de barco e onde o ponto mais alto do país nos cumprimenta magistralmente. Este é o principal local dos Açores para mergulho e observação de baleias. A Horta tem mil outros encantos que nos fazem querer regressar sempre, uma e outra vez. Imperdível é também o Vulcão dos Capelinhos, que em 1957 entrou em erupção e acrescentou novas terras à ilha, provando assim o poder da Natureza. Hoje, parece saído de um cenário marciano, entre terra virgem, poeiras e cinzas vulcânicas, que o tempo não levou consigo.

Agora, resta-lhe escolher o destino de Portugal para estas férias. Marque o alojamento ou as passagens aéreas com antecedência para não haver deslizes no orçamento familiar, mas se precisar de uma ajuda extra para ter as férias que merece, pode pensar numa solução fácil e rápida como uma linha de crédito sem comissões de adesão.