Poupar

Desporto low cost

3 min

Correr está na moda e é barato: basta equipar-se e escolher uma destas alternativas gratuitas.

Esqueça as desculpas que o impedem de se levantar do sofá. Com os dias mais compridos e mais soalheiros pode ter a certeza de que não precisa de um cêntimo para começar a praticar desporto. As únicas contas que precisa de fazer são ao tempo disponível.

Se não gosta de praticar desporto sozinho pode sempre juntar-se a alguns grupos que existem. Desta forma, consegue manter o espírito de equipa e entreajuda de um ginásio mas ao ar livre e sem custos.

O grupo do site Correr Lisboa não para de publicar eventos de treinos e de corridas conjuntos. Uma das utilidades do Correr Lisboa é o quizz sobre as sapatilhas mais adequadas a usar para a corrida - veja aqui. Além da divulgação das corridas, o grupo de corredores junta-se para treinar todas as terças-feiras, às 19h15, no Estádio Universitário de Lisboa.

Às quintas-feiras às 20h, a Nike reúne à porta da sua loja da rua Garrett, no Chiado, corredores que queiram juntar-se ao grupo Nike + Run Club Lisboa. Com ritmos de corrida para principiantes e avançados, há espaço para todos e cada grupo é acompanhado por um treinador. 

O Parque de Monsanto é uma boa alternativa para corridas de distância considerável. O percurso de 12 Km no pulmão da cidade de Lisboa é uma das suas mais-valias. Além disso, a corrida é apenas um dos desportos que se podem praticar no parque. Pode também optar por caminhar ou andar de bicicleta.

A zona ribeirinha de Belém é outra das zonas privilegiadas em termos de área de corrida e de vista panorâmica sobre o rio. Com um percurso de 7 Km de distância, as corridas podem ser intervaladas por exercícios nas zonas de manutenção que pode usar livremente. 

Entre os parques favoritos dos lisboetas para correr durante o dia estão também o circuito de 2 Km do Parque Eduardo VII e o Jardim da Estrela pelas localizações privilegiadas bem no centro da cidade.

Existe ainda o Centro Desportivo do Jamor, cujos circuitos de corrida podem conjugar com os específicos para o ciclismo, canoagem e manutenção, ou o Estádio Universitário, ideal para todo o tipo de corrida e com um circuito de 2,7 Km de distância de alcatrão, gravilha e cimento. Ainda na zona ribeirinha, o Parque das Nações é outra hipótese a considerar, assim como o Parque da Bela Vista, na mesma zona da cidade.

Se não sabe nadar, tem mais de 18 anos e vive ou trabalha em Lisboa, a Câmara Municipal criou o programa "Lisboa sabe nadar", com aulas de 40 minutos a decorrer durante 11 meses por ano. O programa gratuito disponibiliza aulas nas piscinas de Alfama, Ameixoeira, Rego e Restelo.

Na Invicta, o Anda Porto quer pôr a cidade a mexer. Há percursos marcados no Parque da Cidade, nos Jardins do Palácio de Cristal e no Parque de S. Roque e até treinos com orientação técnica de marcha e corrida. O percurso começa no Parque da Cidade, de maio a outubro, todas as terças e quintas-feiras às 19h e sábados às 10h.

Quanto ao equipamento para corrida, há muitas marcas de várias escalas de preços que contam com linha especial para praticar desporto, onde é possível equipar-se por 40 euros.

No desporto, sobretudo na corrida, a prioridade deverá ser investir numas boas sapatilhas: o calçado é essencial para que a atividade física seja bem-sucedida, sem lesões e tenha efeitos positivos na vida do corredor.

Fazer desporto não significa ter de gastar muito dinheiro. Se está a pensar em começar a mexer-se aproveite algumas destas dicas e inicie um novo ciclo mais saudável. Afinal, fazer desporto faz bem ao corpo e à mente.

 

Artigos relacionados: