Dinheiro

Comissões bancárias com novas regras

1 min

As novas normas pretendem contribuir para uma maior transparência e entram em vigor a partir do início do próximo ano.

Já foram publicadas em Diário da República as novas regras para as contas de pagamentos e comissões bancárias.

Entre as novas regras está “a obrigatoriedade de as instituições financeiras passarem a disponibilizar em qualquer momento e a qualquer interessado um documento de informação sobre comissões, especificando que comissões cobram relativamente a cada um dos serviços” que prestam, como pode ler-se no comunicado do Banco de Portugal.

Os bancos ficam, também, obrigados a fornecerem um extrato de comissões aos clientes no mês de janeiro de cada ano. Esse extrato que deve conter informação detalhada sobre todas as comissões cobradas no ano anterior, relativas aos serviços associados a contas de pagamento.

Outra novidade é a possibilidade dos clientes passarem a poder fazer doze transferências bancárias por ano, através de homebanking, sem qualquer custo. Uma vantagem para os clientes daqueles bancos que cobram comissões pelas transferências.

Se quiser saber quanto paga de comissões bancárias, e quais são os bancos que cobram comissões mais amigáveis, sugerimos que experimente esta funcionalidade da página do Banco de Portugal, que lhe permite comparar as comissões de manutenção praticadas pelas instituições bancárias, nas contas de serviços mínimos e nas contas base.

Estas alterações entram em vigor a partir do início do próximo ano, de forma faseada.