Direitos e Deveres

Bullying através da Internet: proteja os seus filhos

1 min

Todos já fomos alvo de gozo ou gozámos com alguém na escola. Atributos físicos, óculos, aparelho nos dentes, timidez, borbulhas na cara – tudo pode ser utilizado como motivo. Mas, às vezes, uma simples brincadeira pode tornar-se cruel e assumir proporções exageradas, sobretudo quando chega à Internet. Saiba como proteger os seus filhos.

As gerações mais jovens são cada vez mais digitais, por isso, para os pais, por vezes, pode ser difícil acompanhar o que os filhos fazem através da Internet. Apesar de existirem inúmeras vantagens no acesso à rede, a verdade é que também existem perigos.

O chamado cyberbullying bullying através da Internet – já existe um pouco por todo o mundo e Portugal não é exceção. O efeito multiplicador da Internet pode mesmo levar a que o conteúdo se torne viral e provocar sérios danos à vítima.

De acordo com o Centro Internet Segura, existem ainda outros riscos como os jogos de vídeo, os jogos de apostas online, o sexting (troca de mensagens de teor erótico com ou sem fotografias através de telemóvel, chat ou redes sociais), o phishing (utilização de métodos tecnológicos que levam o utilizador a revelar dados pessoais ou confidenciais), o roubo de identidade, entre outros.

Neste site encontra informação sobre os riscos e a forma de preveni-los. Pode também optar por descarregar a aplicação. No caso de estar a ser vítima de uma situação de abuso através da Internet ou conhecer alguém que esteja, pode denunciar através da Linha Internet Segura, coordenada pela APAV. Pode fazê-lo através da Internet – atendimento online, e-mail ou redes sociais – ou através do número 800 21 90 90.