Poupar

As vantagens de ter uma mini-horta em casa

1 min

Produzir hortícolas em casa é fácil, barato e traz benefícios para a saúde. Só precisa de uma pequena varanda com exposição solar e de pouco mais.

Que levante o dedo quem nunca comprou um molho de salsa ou coentros a acabou por utilizar apenas meia dúzia de folhas. Há coisas que nunca temos em casa, quando precisamos. E que, além de implicarem uma ida ao supermercado, acabam por não ser rentabilizadas.

Cultivar em casa ervas aromáticas e alguns legumes é algo que trará vantagens à sua vida. Além da questão óbvia da poupança, instalar uma horta em casa representará uma mudança benéfica para a saúde, a sua e a da família. Vão passar a ter a possibilidade de consumir produtos frescos, de qualidade e sem pesticidas. E sem sair de casa.

Vamos às questões práticas. Precisa de uma varanda com espaço para ter alguns vasos ou então um canto na cozinha junto à janela, onde possa colocar uma floreira. É importante que o local tenha boa exposição solar. Em relação ao material, necessita de vasos, substrato e sementes ou plantas para transplantar.

Além das plantas aromáticas, simples de produzir e manter, há hortícolas fáceis de cultivar. Se é iniciante, comece, por exemplo, pela alface, os espinafres, rúcula e rabanetes. No verão, pode também cultivar tomate.

Há ainda outro bom motivo para avançar com a sua primeira mini-horta doméstica: passará a ter um hobby relaxante, que certamente vai trazer-lhe benefícios também a nível emocional.

Consulte o calendário do Borda D'Água, para saber o que plantar durante todo o ano.